Presídio inaugurado há dois meses tem 2ª fuga em massa de presos

14

Pelo menos 15 presos fugiram do Centro de Ressocialização, na tarde deste domingo (24), em Ariquemes (RO), a cerca de 200 quilômetros de Porto Velho. Segundo informações da Polícia Militar (PM), a 2ª fuga em massa da unidade foi comunicada por agentes penitenciários e todos fugitivos eram de uma mesma cela.

A unidade prisional está localizada na zona rural de Ariquemes e foi inaugurada no mês de julho. Esta é a segunda grande fuga de apenados do presídio. No dia 4 de agosto, 11 presos das celas B23 e B24 serraram as grades e escaparam da unidade.

Conforme a PM, na tarde deste domingo a guarnição recebeu a informação de uma fuga. Policiais foram até o local e os agentes não souberam precisar quantos homens fugiram do presídio, mas estima-se que foram mais de 15.

Após a fuga, viaturas da PM e do GOE foram ao Centro de Ressocialização para reforçar a segurança do local. Uma van com seis agentes penitenciários também chegou no local para reforçar a equipe.

Até a publicação da reportagem, na noite deste domingo, não havia nenhuma informação oficial de preso recapturado. Também não foi informado como os presos conseguiram fugir.

Superlotação

Em agosto, o Ministério Público de Rondônia (MP-RO) ingressou uma denúncia afirmando que a unidade prisional já estava com superlotação.

Segundo os servidores do presídio, a unidade devia ter apenas 230 apenados, mas atualmente mais de 400 presos estavam no local, inclusive ocupando a enfermaria.

O novo presídio custou R$ 10 milhões e a obra durou sete anos para ser finalizada.

COMPARTILHAR